quarta-feira, agosto 31, 2011

Covers Inusitados: A Versão Riot Grrrl de Cherry Bomb

As garotas do Runaways e suas 'cerejinhas'
Cherry Bomb foi a música que garantiu sucesso ao Runaways na década de setenta. Com um riff incessante (dando a idéia da bomba prestes a estourar), a música era agressiva e ao mesmo tempo sensual, perfeita para quebrar alguns "tabus" da época; Ainda mais com a maluca da Cherie Currie, nessa época por volta de seus 16 anos, cantando o quanto era selvagem vestindo uma lingerie.

Menos de vinte anos depois, surgia um movimento chamado riot grrrl, onde garotas também tocavam instrumentos, escreviam suas músicas e quebravam "tabus". Uma das bandas que levantaram essa bandeira foi o Bratmobile, tocando um punk/garage rock divertido e acima de tudo, feminista.

Onde entra o cover nesse blá blá blá todo ? No primeiro album do Bratmobile, "Pottymouth" de 1992. Ok, o cover de hoje não é tão inusitado assim, mas é bem interessante.


Bratmobile

A versão da Cherry Bomb feita pelo trio soa como uma zombação, extremamente sarcástica. Não sei ao certo qual era a ideia delas quando incluíram essa música no álbum, porém acredito que pode ser uma homenagem a primeira banda 100% feminina a conseguir um maior reconhecimento, ou também pode ser uma critica irônica a sensualidade barata, levando-se em conta que o Runaways foi uma banda formada propositalmente feminina por um empresário que só estava pensando em dinheiro, apesar da personalidade forte de Joan Jett que escreveu boa parte das músicas e do indiscutível talento da guitarrista Lita Ford, a banda infelizmente tinha um "quê" de comercial de mais. Isso passa bem longe do riot grrrl, onde tudo era feito pelas mulheres, onde elas conseguiam seu espaço por conta própria, sem precisar se vender. Viagens minhas à parte, escute a gravação original e o cover logo abaixo!


Original (Banda: Runaways; Album: The Runaways; Ano: 1976)



Cover (Banda: Bratmobile; Album: Pottymouth; Ano: 1992)

3 comentários:

  1. Gostei do cover. Mas sempre que se trata de bandas de riot grrrl, ou as vezes até bandas punk formadas por garotas mas não feministas, essa musica sempre vira um cover.
    Conheço várias outras bandas que fizeram cover dessa musica.

    ResponderExcluir
  2. aah eu curto a versão que o L7 canta com a Joan, já tinha ouvido a do Bratmobile, e nunca tinha pensando por esse lado, o lance da ironia, boa sacada guria :D

    ResponderExcluir
  3. Oi, você tem um registro deste álbum - Cherry Bomb - Code Green (1993)?
    se assim for por favor, compartilhe!

    ResponderExcluir