sábado, julho 09, 2011

Courtney Love

Amada ou odiada, Courtney Love, sem dúvida é uma das figuras mais polêmicas e malucas dentro do rock.E hoje, dia em que ela completa 47 anos, resolvi prestar minha breve homenagem através dessa postagem contando sua vida e carreira desde o princípio.

Infância
Courtney Michelle Harrison nasceu no dia 9 de julho de 1964, em Haight Ashbury, São Francisco, local onde ocorreu grande concentração de adeptos do movimento hippie. Seus pais, Hank Harrison e Linda Carroll separaram-se meses após o seu nascimento e na disputa judicial pela guarda de Courtney, Hank, que foi roadie da banda Grateful Dead, chegou a ser acusado de dar LSD para a menina, quando ela tinha apenas dois anos. Porém o acontecido não foi provado.Carroll casou-se pela segunda vez, e Courtney ganhou duas meia-irmãs e um irmão adotado pelo casal, fato que fez a garotinha sentir-se um pouco de lado.Apesar disso, ela gostava bastante do seu padrasto, e mostrava desde cedo grande criatividade e espirito de liderança em brincadeiras com as irmãs. Porém, em 1972, Courtney passou pela segunda separação da sua vida, não aceitou nada bem a mudança para Nova Zelandia e o terceiro casamento de sua mãe, então decidiu morar com o seu padrasto, os dois se davam muito bem, porém quando ele casou-se novamente, Courtney não se deu bem com a mulher e entre Courtney e a esposa, o padrasto escolheu sua esposa. Courtney estava rejeitada e sem lar, tornou-se uma criança problemática e Linda decidiu coloca-la em um colégio interno para meninas, sendo expulsa por mau comportamento meses após. Apartir daí Courtney passaria por vários reformatórios e centros de detenção, geralmente por furtos, como da vez em que roubou uma camiseta do Kiss de uma loja, aos doze anos.Conheceu e se apaixonou pela música punk quando um residente do reformatório onde estava lhe passou fitas do Sex Pistols.


Adolescência
Aos dezesseis anos foi emancipada com direito a uma pensão de 800 dólares.Começou a trabalhar como stripper em um antigo clube do genero em Portland. Courtney já bebia e usava algumas drogas desde os doze anos, mas foi nessa época que o consumo intensificou-se. Iniciou uma vida nômade, despindo-se em vários clubes privês do mundo.


Durante sua estada na Irlanda, morou um tempo com seu pai biológico e chegou e cursar uma faculdade de inglês, largando após o primeiro semestre e trabalhou como fotógrafa, mas ainda viria a retomar o curso na Portland State University, em Oregon, transferindo-se posteriormente para o San Francisco Art Institute. Durante uma noite em Portland, quando trabalhava, conheceu a banda mais famosa da cidade, Theater of Sheep, e começou a namorar com o vocalista, Rozz Rezabek. Por volta de 1985 começou a tentar a sorte também como atriz, e depois de alguns papéis como figurante em séries, fez teste para dar vida a Nancy, no filme "Sid & Nancy" porém ficou com o papel secundário de Gretchen. Por essa época também conheceu Kat Bjelland (Babes In Toyland), e junto com Jennifer Finch (L7) formaram a banda, Sugar Baby Doll que apesar do curto tempo de duração serviu para o surgimento do estilo "Kinderwhore" criado por Bjelland e Love. Volta a fazer stip tease em clubes noturnos para o seu sustento e passa por dificuldades em Nova York e Portland.

Primórdios do Hole
Após converter-se ao Budismo de Nitiren, Courtney fica decidida que alcançaria a fama com uma banda, e começa a compor sempre nas horas vagas. Morando em Los Angeles começou a colocar anuncios em revistas de música a procura de integrantes para montar uma banda com influência de Sonic Youth, Big Black e Fleetwood Mac. O guitarrista, Eric Erlandson se candidata e a formação fica completa com a baixista Jill Emery e a baterista Caroline Rue, estava formado o Hole. No outono de 1989, após três meses de ensaio foi a estréia do quarteto no Rodgers, Hollywood. O primeiro single da banda foi "Retard Girl" e a banda despontou no cenário underground fazendo uma turnê nacional. O primeiro disco "Pretty On The Inside" foi lançado em 1991 (leia mais sobre esse album) e foi muito bem recebido pela critica, o Hole torna-se conhecido no mundo underground. Pretty On The Inside chega a ficar na lista dos 20 melhores discos da revista britânica Melody Maker.No mesmo ano o Hole faz uma turnê pela Europa e Courtney ja começa a compor músicas que viriam a fazer parte do segundo album.No entanto as atividades da banda são interrompidas provisóriamente e Courtney dá prioridade para o seu relacionamento com o lider do Nirvana, Kurt Cobain.

Courtney & Kurt
O primeiro contato do casal foi em Portland, durante um show, na época Kurt vivia um relacionamento com Mary Lou Lord, uma vocalista e guitarrista folk que tocava em metrôs e ruas de Londres. Já Courtney Love, vivia uma relação conturbada com o líder da banda Smashing Pumpkins, Billy Corgan. O clima que ocorreu entre os dois foi bem forte e segundo Kurt, ela parecia Nancy Spungen, fato que lhe chamou bastante atenção.Porém eles só voltaram a se reencontrar em 1991 e começaram a namorar.
O casamento que aconteceu em fevereiro de 1992, no Havaí, foi bastante exêntrico: Kurt vestia um pijama e Courtney um luxuoso vestido que fora da atriz americana, Frances Farmer. Vários amigos do casal eram contra o casamento: Krist Novoselic, amigo de Kurt e baixista do Nirvana, recusou-se a ir na cerimônia, Kim Gordon (Sonic Youth) amiga de Courtney chegou a lhe dizer que esse casamento iria estragar sua carreira. Quando casaram-se, Courtney já estava grávida e artigos na revista Vanity Fair, deram conta de dificultar a vida deles, afirmando que ela usava heroína durante a gestação, fato que ambos desmentiram. Frances Bean Cobain, nasceu em agosto do mesmo ano.Conforme a saúde de Cobain ia se deteriorando, o relacionamento deles também. O marido de Courtney estava cada vez mais debilitado devido a dores estomacais crônicas e ao uso abusivo de heroína, além de uma progressiva depressão e uma estranha fixação por armas de fogo.

"Passando Por Isso"
Com uma formação um pouco mudada desde o primeiro album, "Live Through This" é finalizado no primeiro semestre de 1994. O album é bem diferente do "Pretty On The Inside" deixando um pouco de lado as distorções muito sujas dando espaço para a melodias de violões e músicas intencionalmente mais 'comercias'.

Paralelo aos preparativos para o lançamento do album e turnê do Hole logo após, Kurt Cobain cada vez estava pior, ficava trancado e recusava-se a falar com as pessoas, saindo apenas para comprar mais heroína.Após alguns dias sem dar sinal, seu corpo foi achado na garagem da casa onde morava em Seattle por um eletrecista. Havia uma carta de despedida e uma arma, o que logo deduziu-se que tratava de um suicidio.Porém várias especulações chegaram a apontar Courtney Love como a assassina, todavia não pretendo entrar nesse assunto aqui, afinal não existe nada provado e o que temos são os fatos reais.
Após um curto período de luto, Courtney decide voltar as atividades com o Hole, Kristen Pfaff, até então baixista, morre de overdose e é substituida por Mellissa Auf Der Maur. O album oportunamente intitulado de Live Through This ("Passando por isso") é lançado duas semanas após a tragédia. Em agosto o Hole começa a turnê com um show no Reading Festival, Inglaterra. 
Em 1996, Courtney desponta novamente na carreira de atriz, co-protagonizando o filme de sucesso "The People Vs. Larry Flynt" (O povo contra Larry Flynt). "Live Through This" vende mais de duas milhões de cópias e é muito aclamado pela mídia como o melhor album do Hole.

Celebrity Skin e Carreira solo
Depois de algumas coletâneas com lados B, em 1998 é lançado o album, Celebrity Skin, a gravação durou mais de um ano, amplamente devido a carreira de Courtney como atriz. Na composição das músicas a banda teve a ajuda de Billy Corgan. Rapidamente a música-título "Celebrity Skin" começa a tocar em rádios e na MTV, o sucesso do album estava garantido. Com a fusão da Geffen Records com a Universal Music, o Hole foi uma das bandas que saiu prejudicada e o contrato acaba sendo cancelado.


O futuro da banda torna-se incerto até o fim oficial em 2002. Courtney partiu para outros projetos, tentou montar uma banda com Louise Post (ex-guitarrista do Veruca Salt) que não obteve exito. Enquanto estava internada em uma clínica de reabilitação na Califórnia escreveu as músicas do que viria a ser seu album solo. Após um processo de gravação complicado que deixou por agua a baixo a desintoxicação de Love, o 'America's Sweetheart' é lançado em fevereiro de 2004. Courtney volta a envolver-se em escândalos envolvendo agressão, porte de drogas, dívidas e a guarda de sua filha. Confusões essas que acabam por fazer as vendas de America's Sweetheart não decolarem, vendendo pouco acima de 250.000 cópias.

Atualmente
Por volta de 2009 Courtney anunciou a volta do Hole.E em 2010 é lançado o "Nobody's Daugher". A formação da banda agora conta com Miko Larkin (guitarra), Shawn Dailey (baixo) e Stu Fisher (bateria). Love continua envolvendo-se em escandalos e sempre está com alguma das suas declarações polemicas. 

Opinião de Fã 
Fico muito irritada quando me deparo com fãs chatos de Nirvana e Kurt Cobain que começam a chamar Courtney de oportunista e assassina. Acho ridiculo! Por que é bem óbvio o talento dela tanto como front-woman e principal compositora do Hole, quanto como atriz. Com ou sem Cobain, ela teria feito e merecido seu sucesso. Concordo também que é chato toda hora receber notícia de alguma coisa idiota que ela fez ou falou, fato é que ela não quer ver-se esquecida pela mídia, porém seu talento é algo certo para mim. Apesar de nunca levantar bandeiras de feminismo ou riot grrrl, ela foi muito importante também para a imagem da mulher no rock e tenho certeza que incentivou com suas músicas e atitudes muitas garotas a tocarem guitarra e compor também, assim como eu! Happy Birthday Courtney!


3 comentários:

  1. Ela era bem estranha quando era adolescente neh O_O
    agora melhoro um pouco =D adorei o blog

    ResponderExcluir
  2. Bom, particularmente não gosto dela, mas não vou dar uma de "fã chata de Kurt Cobain" até porque tenho uma opinião sobre o assunto todo. Bom, passei para parabenizá-la pelo blog,não para criticá-lo rs.Muito interessante o seu espaço, post com conteúdo e informação :D

    bjs da Lagarta

    ResponderExcluir
  3. I love reading through an article that can make men and women think.
    Also, thanks for allowing me to comment!

    My page getting rid of bad smells in your house

    ResponderExcluir